Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul

Cursos,Especialização,Extensão,MBA,Idiomas,Educação,Vestibular,Pós-Graduação,Educação

Cursos

Graduação

Pós-Graduação

MBA

Vestibular

5 dicas: como usar a máscara de pano corretamente

Confira as recomendações de Marina Rodrigues, infectologista do Hospital São Lucas

11/06/2020 - 09h30
máscaras, uso de máscara, coronavírus

Imagem: Freepik

As máscaras são alguns dos acessórios mais utilizados na prevenção e combate à Covid-19 no cotidiano da população. Visando minimizar o aumento de casos confirmados do novo coronavírus, infectologistas alertam para que o seu uso ocorra de forma consciente e segura. Marina Rodrigues da Silva, Infectologista do Hospital São Lucas, preparou cinco dicas para uma utilização eficiente da máscara. 

Menor chance de contágio 

Considerando a flexibilização para abertura de estabelecimentos e para a circulação da população, é recomendado o uso de máscaras não profissionais de tecido, segundo a doutora. A especialista também ressalta que, por si só, a máscara não protege a pessoa que a utiliza de ser infectada, porém, impede a disseminação de secreções respiratórias em ambientes em superfícies.  

Segundo pesquisa publicada pela revista The Lancetno início de junho, o risco de infecção ou transmissão ao usar o acessório é de 3%; sem ele, esse índice sobe para 17%. Confira as recomendações: 

  1. As máscaras devem ter um tamanho adequado para cobrir o nariz e boca e devem se ajustar corretamente ao rosto, de forma que não haja folgas entre o tecido e a pele. É importante lembrar que a máscara não pode ser removida para falar, ou usada na testa e pescoço, por exemplo;

2. É fundamental higienizar as mãos antes de colocar ou remover a máscara. O ideal é evitar tocar o tecido durante todo o tempo de uso, a fim de evitar a contaminação através das mãos.

3. O período de uso de cada máscara não deve ser superior a duas horas, pois o tecido fica úmido e perde a sua função de barreira. Após esse período, ou antes, se a máscara estiver úmida, com sujeira aparente ou danificada, é necessário fazer a substituição por um nova. Para removê-la, manuseie o elástico ao redor das orelhas sem tocar a parte frontal e, em seguida, coloque-a em um saco plástico até que possa ser realizada a lavagem.

4. As máscaras de tecido devem ser lavadas com água potável e água sanitária, deixando de molho por 30 minutos em uma solução de 500ml de água potável com 10ml de água sanitária. Em seguida, o ideal é enxaguá-la em água corrente e lavar com água e sabão. Após a lavagem, deixar secar totalmente e passar a ferro.

5. Descarte a máscara de tecido se houver perda de elasticidade das alças ou deformidades no tecido que possam causar prejuízos à barreira. As máscaras de TNT não podem ser lavadas e devem ser descartadas logo após o uso.