Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul

Cursos,Especialização,Extensão,MBA,Idiomas,Educação,Vestibular,Pós-Graduação,Educação

Cursos

Graduação

Pós-Graduação

MBA

Vestibular

Pacto Alegre define ações para “professores inovadores” da capital

Atividades propõem que docentes sejam transformadores e inovadores em sala de aula

08/08/2019 - 17h58
pacto alegre, inovação, professor inovador

Foto: Divulgação PMPA

As definições da iniciativa Professor Inovador, do Pacto Alegre, foram alinhadas no último encontro kickoff (início dos projetos), realizado na manhã desta quinta-feira, dia 8 de agosto, no campus da Unisinos, em Porto Alegre. A reunião, que contou com a participação de diversos profissionais de diferentes áreas, propôs desenvolver ações que engajem os professores como agentes de indução para elevar o padrão do ensino público de Porto Alegre. O projeto Professor Inovador é uma das 24 iniciativas promovidas pelo Pacto Alegre.

Na capital gaúcha são 70 mil alunos da rede comunitária atendidos pela Secretaria Municipal de Educação de Porto Alegre (Smed). Segundo o secretário da pasta, Adriano Naves de Brito, é um grande campo de atuação, que precisa da contribuição dos atores envolvidos no Pacto Alegre, principalmente para a formação continuada de professores da educação infantil. “Entrelaçar as ações entre a sociedade civil e a rede pública é um desafio fundamental. A educação não apresenta resultado de um ano para o outro. É preciso ter atividades permanentes. A Prefeitura está engajada em ofertar treinamentos para os professores”, salienta.

Para contribuir com essas conexões entre os envolvidos no projeto, está a rede de agentes sociais Visionários da Cidade, que acredita na atitude empreendedora como meio de transformação de realidades. Aron Krause Litvin, um dos fundadores da iniciativa, destaca que a proposta é contribuir para uma metodologia que contribua para a área do ensino da cidade. “A rede vai servir para que se desenvolva a renovação de conhecimentos”, frisa.

 

Proporcionar vivências e inovação aos professores

Vivências e inovação na sala de aula foram os delineamentos destacados neste encontro. Para uma das participantes, Fernanda Arusievicz, analista do Serviço Social da Indústria (SESI), é preciso colocar em prática a formação de professores e criar experiências do que é possível aplicar dentro das realidades das escolas e das comunidades. “Já realizamos ações em comunidades, principalmente na área de robótica em escolas de turno integral”, comenta.

Já Priscila Trindade Sant’Anna, técnica na Gerência de Políticas Públicas do Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas do Rio Grande do Sul (Sebrae/RS) a ideia é que o proporcionar ao professor essa capacidade transformadora. “É possível mudar a forma de ensinar em sala de aula. Queremos que os professores sejam inovadores. O nosso papel é ajudar e acompanhar esse processo e que consigamos resultados de curto a médio prazo”, conclui.

 

Próximas reuniões

O cronograma completo com as próximas reuniões de kickoff está disponível na agenda do Pacto Alegre.

 

Sobre o Pacto Alegre

O Pacto Alegre é uma proposta de movimento de articulação e eficiência na realização de projetos transformadores e com amplo impacto para a cidade. O objetivo é criar condições para que a cidade se transforme em um polo de inovação, atração de investimentos e empreendedorismo. O movimento prevê o compartilhamento de recursos e parcerias com o poder público e a iniciativa privada. A ideia é unir forças da cidade, de todos os segmentos, em prol de uma agenda comum. A iniciativa tem a coordenação da Aliança para Inovação (constituída por UFRGS, PUCRS e Unisinos) e da Prefeitura Municipal de Porto Alegre.