Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul

Cursos,Especialização,Extensão,MBA,Idiomas,Educação,Vestibular,Pós-Graduação,Educação

Cursos

Graduação

Pós-Graduação

MBA

Vestibular

Estudantes da Famecos conquistam Prêmio ARI de Jornalismo Universitário 2018

Prêmio foi entregue dia 19 de dezembro, na Câmara dos Vereadores de Porto Alegre

21/12/2018 - 15h59
Jornalistas e universitários recebem prêmio 60° Prêmio ARI Banrisul/ Divulgação: ARI

Jornalistas e universitários recebem prêmio 60° Prêmio ARI Banrisul/ Divulgação: ARI

Alunos da Escola de Comunicação, Artes e Design – Famecos conquistaram diversas categorias do 60° prêmio ARI-Banrisul de Jornalismo, no segmento universitário. Promovido pela Associação Riograndense de Imprensa, o reconhecimento foi entregue aos vencedores no dia 19 de dezembro, no auditório Ana Terra da Câmara dos Vereadores de Porto Alegre. O Grande Prêmio Acadêmico de Reportagem em Vídeo foi destinado à estudante Camila Andrade Pires, com o trabalho Copa dos Refugiados, produzido por alunos do Editorial J, e também premiado no SET Universitário 2018. Na edição deste ano, foram avaliados 331 trabalhos jornalísticos, inscritos em oito categorias profissionais e em cinco universitárias.

Projetos construídos através de diversos olhares

A universitária Luana Casagranda, 21 anos, premiada por A Copa dos Refugiados, destaca a importância da produção em vídeo e foto, para um programa de telejornal especial. “Escolhemos esse tema por ter um significado maior, que vai além de um evento ou assunto de futebol, e permitiu celebrar a diversidade”, justifica. O aluno Bruno Abichéquer, 21 anos, que obteve menção honrosa por A importância de abordar o suicídio na imprensa, reforça o companheirismo e o apoio dos colegas para o reconhecimento. “Em todo o processo de produção da reportagem minhas colegas estavam comigo, unidas. Foi um tema difícil de trabalhar, pois é tratado como imperceptível e velado”, salienta.

Roberta Berti, Maria Eduarda Rocha, Luana Casagranda, Camila Pires, Giulia Cassol, Nicolas Schidem e o professor Silvio Barbizan / Foto: Divulgação: ARI

Roberta Berti, Maria Eduarda Rocha, Luana Casagranda, Camila Pires, Giulia Cassol, Nicolas Schidem e o professor Silvio Barbizan / Foto: Divulgação: ARI

Para Nicolas Schidem, 20 anos, seis vezes premiado com o trabalho A Última Gota, a causa social abordada em cada projeto, esboça as prioridades no processo de seleção das produções inscritas. “Foi ímpar, não só pelo reconhecimento, mas por talvez conseguir dar mais visibilidade para o problema das pessoas que retratamos”, afirma.

Segundo o coordenador do curso de Jornalismo da Famecos, Fábian Chelkanoff, toda a premiação reforça a sala de aula como um grande espaço de aprendizado. “Os alunos se empenham muito mais do que apenas a busca pela nota. Eles encaram, baixam a cabeça, compram as ideias e junto com os professores realizam trabalhos que realmente são de grande destaque”, enfatiza.

O 60° O Prêmio ARI-Banrisul é considerado um dos mais cobiçados entre os jornalistas gaúchos. Esta foi considerada uma edição especial, com homenagens a vencedores de outras edições.

Confira a lista de premiados da PUCRS:

Vídeo

1° Lugar – Camila Andrade Pires Copa dos Refugiados

Menção Honrosa – Vídeo

Bruno Prochnow Abcihéquer – A importância de abordar o suicídio na imprensa

Multimídia Web

1° Lugar – Nícolas Chidem da Costa – A Última Gota

Fotojornalismo

Menção Honrosa – Nícolas Chidem da Costa – A sede dessa gente/ A Última Gota

Grande prêmio acadêmico de reportagem em vídeo

Camila Andrade Pires – Copa dos Refugiados