Mudança de bandeiras: saiba como fica o funcionamento da PUCRS

Confira detalhes sobre a atuação da Universidade no Modelo de Distanciamento Controlado do Estado

23/02/2021 - 15h17

Entenda como fica o funcionamento da PUCRS nas bandeiras preta e vermelhaNa sexta-feira (19), em razão do rápido avanço de hospitalizações no Rio Grande do Sul, o Governo do Estado classificou Porto Alegre entre as regiões em bandeira preta, o que significa risco altíssimo. Ao final da segunda-feira (22), com a publicação do Decreto Municipal nº 20.496 e solicitação para manutenção da cogestão entre os poderes estadual e municipal, a capital voltou à bandeira vermelha. Já na quinta-feira (25), o Governo do Estado suspendeu, temporariamente, o sistema de cogestão regional, o que obriga os municípios a adotarem os protocolos mais rígidos para conter o avanço da pandemia. Portanto, a partir do sábado (27), todas as regiões estão em bandeira preta.

Durante toda a semana a Universidade esteve mobilizada em reforçar as medidas necessárias de segurança e garantir a continuidade das atividades adequadas às diretrizes previstas pelo decretos específicos que regulam o segmento da Educação.

Neste novo cenário, o Calendário Acadêmico está mantido e, a exemplo do ano anterior, a atuação se dará em total conformidade com as determinações do poder público e os critérios previstos nas bandeiras de distanciamento controlado. As datas previstas para o retorno das aulas para a graduação, pós-graduação, extensão e idiomas também estão mantidas e todas iniciam online, se adequando com orientações ao longo do semestre conforme as bandeiras.  

Como fica a atuação da Universidade conforme a mudança nas bandeiras: infográfico bandeiras

Confira as orientações específicas

GRADUAÇÃO: as aulas iniciam em 3 de março, com a maioria das disciplinas online, e o semestre será composto de quatro cenários, conforme especificidades e diretrizes curriculares de cada curso. Confira os detalhes aqui. Informações sobre a acolhida no início do semestre e programações especiais serão divulgadas pelas Escolas em seus canais oficiais. Na primeira semana de aula os professores irão apresentar detalhadamente os planos de ensino e o Portal de Matrículas permanecerá aberto para ajustes até 19 de março. Os encontros presenciais previstos em algumas disciplinas – quando recomendados, mas não essenciais -, somente ocorrerão quando houver condições sanitárias e o Modelo de Distanciamento Controlado estiver nas bandeiras laranja ou amarela.  

PESQUISA E PÓS (STRICTO SENSU): aulas teóricas seguem online. Tanto a bandeira preta quanto a vermelha restringem atividades de pesquisa em laboratórios. Portanto, estão autorizadas apenas as pesquisas relacionadas à Covid-19 e as daqueles estudantes que precisam concluir seus cursos e tenham atividades inviabilizadas de maneira remota. As aulas terão início na semana de 8 a 12 de março, conforme o cronograma de cada Programa de Pós-Graduação. As orientações para a realização de atividades de pesquisa podem ser acessadas neste link. 

PÓS (LATO SENSU): as aulas irão iniciar conforme calendário específico de cada curso. Um modelo remoto foi especialmente desenvolvido e será adotado até que o retorno presencial seja considerado uma possibilidade segura para professores e alunos. Esse modelo garante os processos de ensino e de aprendizagem, bem como a interação entre aluno e professores. As atividades práticas, conforme protocolos institucionais de segurança e em conformidade com a legislação, serão realizadas presencialmente. 

EXTENSÃO (CURSOS E IDIOMAS): os cursos de extensão e de idiomas serão ofertados na modalidade online com interações em tempo real entre professores e estudantes. 

ATIVIDADES ADMINISTRATIVAS E DEMAIS ESTRUTURAS DA UNIVERSIDADE: restrição de serviços e atividades presenciais, mantendo apenas o que for essencial.  

SERVIÇOS DO CAMPUSos serviços da Universidade vão atuar em regime de plantão online de segunda a sexta-feira. Confira os contatos.

Prevenção e contenção de riscos 

Desde o início da pandemia, além de se preocupar em manter a excelência nas aulas e atividades remotas, a PUCRS providenciou todas as adequações necessárias para proteger o grupo de profissionais que integram atividades essenciais no Campus, cumprindo protocolos rígidos de prevenção e cuidado:  

  • Adequação rigorosa às recomendações dos órgãos públicos, entidades de representação profissional e a legislação vigente;
  • Criação do Plano Institucional de Prevenção e Redução de Riscos;
  • Implementação do próprio Centro de Operações de Emergência em Saúde para casos de Covid-19;
  • Sinalizaçãoem todos os ambientes de maneira orientativa e clara; 
  • Fornecimento de EPIs necessários para profissionais, pesquisadores e estudantes;
  • Implementação de novos protocolos de higienização e desinfecção e adequação dos modelos de atendimento.

“Tomamos todas as medidas necessárias para manter nosso Campus um ambiente seguro, mas a contenção da doença depende da presença responsável de cada um de nós, onde quer que estejamos. Assim, reforço a importância de seguirmos firmes na manutenção de hábitos de prevenção”, reforça o reitor, Ir. Evilázio Teixeira. 

A Universidade segue atenta às recomendações e decretos do poder público e priorizando a saúde e o bem-estar da comunidade universitária.

Saiba mais: Conheça nosso Plano Institucional de Prevenção e Redução de Riscos | Covid-19

Compartilhe

Outras notícias Veja todas as notícias

  • Últimas publicadas
  • Mais lidas