Programa vai desenvolver startups fundadas por mulheres

Iniciativa Women on the Road acontece por meio de uma parceria entre Tecnopuc e Banco Regional de Desenvolvimento do Extremo Sul

28/05/2021 - 11h00
Ideação, Oficina Trilha Empreendedora, idear

Confira os critérios de participação e acompanhe o Tecnopuc para mais informações/Foto: Bruno Todeschini

Dados do Female Founders Reportda comunidade de startups brasileira, Distrito, mostram que apenas 9,8% das startups são fundadas ou cofundadas por mulheres, e muitos destes negócios não ultrapassam o estágio inicial por encontrarem dificuldades no processo de validação. Para auxiliar na transformação dessa realidade, o Parque Científico e Tecnológico da PUCRS (Tecnopuc), com apoio do Banco Regional de Desenvolvimento do Extremo Sul (BRDE), desenvolveu o programa Women on the Road, que acontecerá no segundo semestre de 2021. 

O propósito da iniciativa é promover o desenvolvimento de startups em estágio inicial que sejam fundadas ou cofundadas por mulheres, além de sensibilizar futuras empreendedoras. Women on the Road deve provocar conexões que poderão gerar oportunidades de negócio entre empreendedoras do ecossistema.  

Para o superintendente de Inovação e Desenvolvimento da PUCRS, Jorge Audy, iniciativas como esta são um investimento no futuro da região: A capacitação de profissionais nas áreas de tecnologia e de empreendedorismo para mulheres é uma ação estratégica para o desenvolvimento de nosso estado”.  

Já Leandro Pompermaierlíder do Tecnopuc Startups, explica o propósito do Tecnopuc com o programa:   

“Explorar o potencial de liderança, trabalho em equipe, inovação e solução de problemas. O Women on the Road nasce conhecendo o potencial de executivas e empreendedoras mulheres pois acreditamos que a diversidade nos negócios traduz em negócios melhores, mais robustos e é um ativo com potencial de gerar impactos socioeconômicos positivos” 

Saiba como funcionará o programa para startups fundadas por mulheres 

Women on the Road será dividido em três momentos: awarenesswomen warm-up e women on the road 

  • Awareness: ações de sensibilização para a comunidade PUCRS e para a sociedade, por meio de talks e workshops com executivas e empreendedoras do ecossistema, fomentando o empreendedorismo técnico protagonizado por mulheres e a aplicação do conhecimento na geração de negócios inovadores.  
  • Women warm-upoito semanas para imersão no ecossistema do Tecnopuc. Nesse período, serão oferecidos workshops exclusivos e mentorias de empreendedora para empreendedora para oito startups fundadas ou cofundadas majoritariamente por mulheres de diferentes localidades e  mercados. 
  • Women on the roadatrês startups que se destacarem no warm-up terão acesso direto ao programa de desenvolvimento do Tecnopuc (Road) para validação do modelo de negócio. As demais startups selecionadas serão beneficiadas com 75% de desconto no programa. 
PUCRS conta com seviços que potencializam competências empreendedoras

Foto: Bruno Todeschini

Para participar, as equipes devem ser formadas por, no mínimo, duas empreendedoras, 75% da equipe precisa ser composta por mulheres e a solução inovadora proposta deve ter base tecnológica. A startup deve ser fundada ou cofundada por mulheres. 

Interessadas em participar do programa podem enviar um e-mail para [email protected] para receber novidades sobre as inscrições, que também serão comunicadas no site e nas redes sociais do Tecnopuc. 

Outras iniciativas do Tecnopuc para mulheres 

Flávia Fiorin, Gestora de Operações e Empreendedorismo do Tecnopuc, relembra algumas das ações recentes do Parque: o Women in Tech, em parceria com a HP, e o Conexão Rio-POA [Delas], em parceria com a UFRJ, mostram a responsabilidade e o compromisso que o Tecnopuc tem com a formação e com a conexão de mulheres empreendedoras. Tudo isso demonstra o compromisso em auxiliar startups que tem mulheres como fundadoras a concretizar seus negócios e, dessa forma, transformar a realidade em que pessoas do gênero feminino são minorias na liderança de empresas. 

Estamos muito felizes em contar com o BRDE para impactar a trajetória profissional de muitas mulheres. Além de auxiliar na formação, o ecossistema cria e fortalece uma rede de apoio e de crescimento para que o impacto no mercado seja real. É um movimento que busca auxiliar na transformação do dado que revela o baixo número de startups lideradas por mulheres. Queremos mudar isso através da ação, da conexão e da formação”, sintetiza Flavia.  

Compartilhe

Outras notícias Veja todas as notícias

  • Últimas publicadas
  • Mais lidas