23/07/2020 - 15h44

Análise de Sistema de Medição (MSA)

O measurement system analysis (MSA) é um método estatístico para determinar a variação que existe dentro de uma sistemática de medição e controle. Sendo que esta pode contribuir diretamente na variabilidade geral do processo de fabricação. O MSA é usado para aperfeiçoar o sistema de medição para uso, avaliando a exatidão, precisão e estabilidade do sistema e reduzindo assim defeitos e desperdícios.

A Análise do Sistema de Medição consiste em estudar todos os fatores que podem levar às variações nos resultados.

A compreensão sobre os erros, desvios e qualquer fator gerador do erro na medição proposta. A ferramenta apoia a tomada de decisão em relação a um determinado produto ou processo, pois engloba quatro aspectos principais: equipamento, método/procedimento, ambiente e executor.

Outro fator importante da implantação do MSA é na prevenção quanto a futuros desvios ou não conformidades junto ao processo. Este ambiente favorece a cultura organizacional focada na avaliação e prevenção.

Por que e como executar a análise do sistema de medição (MSA)?

A execução adequada do MSA pode ajudar a garantir que os dados coletados sejam precisos e que o sistema de coleta de dados seja apropriado ao processo. Independentemente de haver um plano de inspeção e o uso de equipamentos, analisar os dados em contexto temporal, sua dispersão, probabilidade de comportamento futuro são fundamentais para controle das atividades. Garantir equipamentos com a resolução e especificação adequada permite identificar erros no sistema de medição e detectar materiais fora da especificação, sem comprometer os prazos com clientes e reduzindo o desperdício.

O MSA é uma coleção de experimentos e análises realizadas para avaliar a capacidade de um sistema de medição, o desempenho e a quantidade de incerteza em relação aos valores medidos. Devemos revisar os dados de medição que estão sendo coletados, os métodos e ferramentas usadas para coletar e registrar os dados. Nosso objetivo é quantificar a eficácia do sistema de medição, analisar a variação nos dados e determinar sua provável fonte. Precisamos avaliar a qualidade dos dados coletados em relação à variação de localização e largura. Os dados coletados devem ser avaliados quanto ao viés, estabilidade e linearidade.

 Importância da rastreabilidade

Medições que são rastreáveis à padrões coincidirão mais exatamente do que aquelas que não o são. Isto ajuda a reduzir o retrabalho, a rejeição de produtos bons, e a aceitação de produtos ruins. Como a rastreabilidade está sempre atrelada a uma cadeia ininterrupta de comparações com suas incertezas estabelecidas, o entendimento da incerteza de medição de cada elo dessa cadeia é essencial ao processo. Através da inclusão das fontes de variação da medição, provenientes do curto e longo prazo que são introduzidas pelo processo de medição e pela cadeia de rastreabilidade, a medição da incerteza pode ser avaliada, e, assim, garantindo que todos os efeitos da rastreabilidade tenham sido levados em conta. Isto por sua vez pode reduzir os problemas de correlação entre as medições, trazendo mais confiança ao processo.

Para termos um sistema de medição estável e consistente, que critérios devem ser levados em consideração no momento de escolher meu equipamento?

Podemos começar utilizando um equipamento devidamente calibrado em laboratório competente e identificando as especificações e tolerâncias do meu processo. Conhecer o equipamento com que se está trabalhando é fundamental, e o MSA é uma ferramenta que nos auxilia neste entendimento nos trazendo uma série de importantes conceitos resolução efetiva, exatidão, tendência, estabilidade, linearidade, precisão, repetitividade, sensibilidade ao processo, uniformidade, incerteza de medição e capabilidade do equipamento.

 MSA e a ISO 9001

É de extrema relevância destacar a relação entre o MSA com a ISO 9001.A qualidade e confiabilidade do controle de processos e da rastreabilidade das medições pode ser diretamente associado a uso da análise dos sistemas de medição.
A norma de gestão da qualidade também se preocupa com princípios de calibração e rastreabilidade em intervalos específicos para garantir o correto controle dos processos onde medições são relevantes.

Além disso, outras ferramentas podem ser implantadas tais como a determinação visual da situação de calibração, garantir que ajustes indevidos não sejam realizados, um programa cultural quanto aos cuidados em relação a danos e deterioração que possam comprometer a qualidade da medida futura.

 

Compartilhe

Leia Mais Veja todas

Últimas Notícias

Veja todas notícias