Processos Motivacionais em Contextos Educativos (PROMOT)

Quem Somos

Este grupo de pesquisa surgiu da necessidade de aprofundar estudos referentes à Motivação na Educação. Após os primeiros estudos, realizados na disciplina “A motivação na sala de aula”, do Programa de Pós-Graduação em Educação da PUCRS, alunos de Mestrado e Doutorado e os pesquisadores deram início ao grupo ‘Processos Motivacionais em Contextos Educativos’, cadastrado no CNPq em 2006. O objetivo inicial do grupo foi dedicar-se ao estudo e entendimento da motivação nos seres humanos ao longo da história da Psicologia da Motivação, as diferentes abordagens teóricas que explicam a motivação e os elementos que interferem em seus processos. Além disso, buscou diagnosticar níveis de motivação de docentes e de discentes, para poder promover sua alteração, para então divulgar reflexões sobre a temática, que se tornam válidas para a edificação do processo educacional.

Encontro com o Prof. Alonso Tapia

Encontro com o Prof. Alonso Tapia

Sabe-se que nos dias atuais, um dos temas mais abordados nas instituições educativas refere-se à falta de motivação, tanto dos estudantes como dos próprios professores. A partir desse grupo, pretende-se aprofundar mais sobre essa temática e trazer à tona elementos que possam contribuir para uma prática pedagógica motivadora nos ambientes educativos.

Por meio de encontros semanais, o grupo realiza estudos permanentes sobre o tema e mantém um cronograma dinâmico de oficinas, pesquisas, palestras, minicursos, divulgação como participação em eventos.

Em virtude de inúmeros estudos e seminários desenvolvidos pelos pesquisadores ao longo desses dois anos, resultou a redação de diversos artigos, que possibilitarão a edição de dois livros sobre Processos motivacionais na Educação, auxiliando docentes em diferentes áreas.

Para consolidar esses estudos e o grupo de pesquisa, realizam-se intercâmbios e assessorias com especialistas internacionais da temática em questão. Recebeu-se a visita do professor Dr. Juan Antonio Huertas, em 2005, e o Dr. Jesus Alonso Tapia, em 2006, ambos da Faculdade de Psicologia da Universidad Autônoma de Madrid, Espanha. O Dr. Saul Neves de Jesus, da Universidade do Algarve, Portugal, participou de encontros e minicursos com o grupo de pesquisa, em 2007. Em 2009 ampliamos as relações com a Dr. Diane Schallert da Univesity of Textas at Austin, EUA, doutora e especialista na área de psicologia da Motivação.

Objetivo do grupo

A motivação é um processo complexo que influencia diretamente o ensinar docente e o aprender de cada discente, que se revela em situações cotidianas em cada instituição educativa. Nessa heterogeneidade de relações e circunstâncias, o grupo de pesquisadores, que se dedica ao estudo dos processos motivacionais em contextos educativos, pretende estudar aspectos que interferem nos processos motivacionais em espaços educativos.

O grupo constitui-se de três eixos temáticos:

  • Desenvolvimento da motivação: Promover reflexão sobre níveis de motivação e implementar oficinas de auto-conhecimento;
  • Bem-estar, mal-estar e motivação: Os estudos se propõem a aprofundar nas interfaces entre as temáticas do mal-estar e bem-estar na docência, com repercussões nos processos motivacionais;
  • Motivação e educação: Aprofundar estudo sobre as relações entre motivação e educação, a partir do estudo da motivação em alunos e seus professores.

Pesquisadores

Drª. Bettina Steren dos Santos
(Coordenadora)
Professora do Programa de Pós-Graduação em Educação e Graduação da Faculdade de Educação/PUCRS;
Email: [email protected]
Currículo Lattes

Doutoranda Carla da Conceição Lettnin
Doutoranda em Educação pela PUCRS
E-mail: [email protected]
Currículo Lattes

Mestranda Carla Spagnelo
Mestranda em Educação pela PUCRS
E-mail: [email protected]
Currículo Lattes

Doutorando César Augusto Müller
Doutorando em Educação pela PUCRS
E-mail: Homepage: http://www.unisc.br
Currículo Lattes

Drª. Denise Dalpiaz Antunes
Professora de Educação Física da Rede Estadual de Ensino e Especialista em Educação Infantil
E-mail: [email protected]
Currículo Lattes

Lorena Machado do Nascimento
Graduanda de Pedagogia – Bolsista de Iniciação Científica Probic / Fapergs
E-mail: [email protected]
Currículo Lattes

Mestranda Márcia Martins Villas Bôas
Mestranda em Educação pela PUCRS
Currículo Lattes

Me. Mariana Nunes Lages
Mestre em Educação pela PUCRS
E-mail: [email protected]
Currículo Lattes

Doutorando Rafael Eduardo Schmitt
Doutorando em Educação pela PUCRS
E-mail: [email protected]
Currículo Lattes

Drª. Tárcia Rita Davoglio
Doutora em Psicologia Clínica pela Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (PUCRS)
E-mail: [email protected]
Curriculo Lattes

Doutoranda Pricila Kohls dos Santos
Doutoranda em Educação do PPGEDU/PUCRS
E-mail: [email protected]
Curriculo Lattes

Me. Rosangela Callegari
Mestre em Educação pela PUCRS
Currículo Lattes

Referencial Teórico

O Referencial Teórico, basicamente, aborda as teorias de ensino e de aprendizagem, especificamente enfocando teorias da motivação.

Temos como base teórica os trabalhos realizados pelo grupo de pesquisadores da Universidad Autonoma de Madrid, coordenado pelos professores Jesus Alonso Tapia e Juan Antonio Huertas. Também utilizamos os referenciais das pesquisas desenvolvidas pelo professor Saul Neves de Jesus da Universidade do Algarves – Portugal. Todos esses pesquisadores participam como consultores dos nossos trabalhos.

Também adotamos como referencial teórico para as nossas pesquisas a teoria da auto-determinação desenvolvida por Deci e Ryan (2009), autores que contribuíram para o estudo da motivação.

Pesquisas

A pesquisa que deu inicio ao grupo foi Ampliando fronteiras para a motivação docente, esta pesquisa foi desenvolvida dentro da temática de Desenvolvimento da Motivação. A pesquisa teve uma metodologia quanti-quali, é especificamente um estudo de caso, objetivando diagnosticar sobre os elementos dos processos motivacionais nas práticas educativas, enunciadas pelos participantes da pesquisa ao responderem questionários e ao realizarem oficinas e palestras que buscam ressaltar elementos de sua prática educativa de forma mais positiva e efetiva. Também analisamos as repercussões destas vivências através dos seus relatos. As oficinas e palestras, ou seja, encontros nos quais os participantes possam experienciar situações que oportunizem momentos de efetiva reflexão sobre a sua ação. A pesquisa foi desenvolvida entre 2006 e 2008, em três estabelecimentos de ensino de Porto Alegre – um municipal, um estadual e outro particular.

Outra pesquisa intitula-se: A motivação na escola e na ONG: Similitudes e diferenças na perspectiva dos estudantes. Este trabalho está sendo desenvolvido pela aluna de mestrado Carla da Silva Nadal e pertence ao eixo temático da Motivação e educação. Neste trabalho pretende-se conhecer as diferentes motivações dos estudantes que freqüentam dois espaços educativos diferentes, a escola e uma ONG. Entrevistamos 62 adolescentes, na faixa etária entre os 15 e os 17 anos.

Pesquisas atuais

2012 – Atual – A qualidade da educação superior e suas relações com o ingresso, a motivação e a permanência: uma análise comparada Brasil-Uruguai

2010 – Atual – Processos motivacionais dos docentes no ensino superior

2010 – Atual – ALFA GUIA – Gestión Univeristária Integral del Abandono


Pesquisas anteriores

Processo motivacional dos adolescentes e a informática educativa

Acesse o texto completo em PDF

Esta pesquisa está sendo desenvolvida com o apoio do CNPq através da bolsa de produtividade da coordenadora do projeto. Com esse estudo pretende-se validar o instrumento Escala de Motivação Acadêmica (EMA) elaborado por Vallerand et al. (1992) com adolescentes e identificar e compreender as concepções dos mesmos sobre as motivações que os levam a ir para a escola, relacionado-as com as metodologias utilizadas pelos docentes e o uso das tecnologias. A pesquisa será desenvolvida em três estabelecimentos de ensino de Porto Alegre – um municipal, um estadual e outro particular. Na análise de dados é utilizada a análise estatística (na parte quantitativa), para as respostas fechadas dos questionários e a técnica de análise de conteúdo (parte qualitativa).

Aspectos motivacionais da relação entre profissionais e pacientes para a promoção do autocuidado com a saúde

Acesse o texto completo em PDF

A pesquisa estuda os fatores motivacionais implicados na relação entre usuário e profissional da saúde à promoção do autocuidado. Este estudo fundamenta-se a partir de referenciais teóricos sobre motivação e educação, além de questões relacionadas ao saber técnico/especializado com o saber popular/leigo na promoção da saúde. Foram entrevistados 10 trabalhadores, de diversas especialidades, e 10 usuários de um serviço de saúde, atendidos pelos profissionais entrevistados. Para o levantamento dos resultados, foi utilizada a análise de conteúdo de Bardin. Foi revelado, até então, que a relação profissional-usuário influencia na motivação para o autocuidado, indicando a importância do acolhimento humanizado, da escuta, do vínculo e da educação para a saúde. Outros aspectos levantados suscitam novas investigações, promovendo o seguimento do estudo.

Processos motivacionais de professores no ensino superior

Acesse o texto completo em PDF

A intenção deste estudo foi verificar os aspectos motivacionais que envolvem professores do Ensino Superior, bem como suas interferências na prática pedagógica. A pesquisa configura-se, dentro do paradigma naturalista, como um estudo de caso, no qual são analisadas sete entrevistas realizadas com professores de diferentes áreas, a partir da técnica de análise de conteúdo de Bardin. Até o momento, os dados da pesquisa apontam que há uma diversidade e complexidade de concepções a cerca da motivação. É necessário, pois, compreender como a motivação humana é entendida pelos docentes, para que aprendizagens eficientes e eficazes aconteçam desde o início da educação formal.

Teaching in the 21 century: Motivational processes of faculty in Higher Education

A pesquisa faz parte do pós-doutorado da coordenadora do grupo. Nesse estudo pretende-se investigar sobre a motivação e satisfação no trabalho de professores universitários, através da elaboração de um questionário quantitativo que será aplicado com professores de três contextos universitários: Brasil, EUA e Israel.

Publicações

Artigos completos publicados em periódicos

MANTOVANI, A. M. ; BACKES, L. ; SANTOS, B. S. . Formação de Educador no Contexto da Cibercultura: Possibilidades Pedagógicas em Metaversos. Contrapontos (UNIVALI) (Cessou em 2008. Cont. ISSN 1984-7114 Contrapontos (Online)), v. 12, p. 1-10, 2012.

SANTOS, B. S. ; BERNARDI, J. ; BITTENCOURT, H. R. . Considerações sobre o uso da escala de motivação acadêmica (EMA) com jovens estudantes. ETD. Educação Temática Digital, v. 14, p. 1-18, 2012.

SANTOS, B. S. ; RODENBUSCH, C.B. ; ANTUNES, D. D. . Aspectos motivacionais da profissão docente universitária. ETD : Educação Temática Digital, v. 10, p. 294-312, 2009.

SANTOS, B. S. ; MOLON, K. S. . Reflexões sobre a desmotivação dos estudantes em aprender e as dimensões afetiva, reflexiva e técnica no trabalho docente. Revista Educação Especial (UFSM), v. 22, p. 165-180, 2009.

SANTOS, B. S. ; ANTUNES, D. D. ; BERNARDI, J. . O uso da informática na escola motiva os adolescentes a aprender?. Competência (Porto Alegre), v. 2, p. 29-42, 2009.

SANTOS, B. S. ; ANTUNES, D. D. . O docente e sua subjetividade nos processos motivacionais. Educação (Porto Alegre), v. 31, p. 46-53, 2008.

SANTOS, B. S. ; ANTUNES, D. D. . Vida Adulta, processos motivacionais e diversidade. Educação (Porto Alegre), v. 1, p. 149-164, 2007.

Livros publicados/organizados ou edições

SANTOS, B. S. (Org.) ; Lucia de Anna (Org.) . Psicopedagogia em diferentes cenários. 1. ed. Porto Alegre: Edipucrs, 2013. v. 1. 270p .

SANTOS, B. S. (Org.) ; ANTUNES, D. D. (Org.) ; BERNARDI, J. (Org.) . Processos Motivacionais em Contextos Educativos: teoria e prática. 1. ed. Porto – Portugal: Pedago, 2012. v. 1.

SANTOS, B. S. (Org.) ; BOZA, Àngel C. (Org.) . A Motivação em Diferentes Cenários. 1. ed. Porto Alegre/Huelva: Edipucrs/Huniversidade de Huelva, 2010. v. 500. 318p

Capítulos de livros publicados

SANTOS, B. S. ; Magda Altafini ; Carla da Conceição Lettnin ; SCHMITT, R. E. . Psicopedagogia, Inclusão e Saúde: Aproximações de Saberes. In: Bettina Steren dos Santos e Lucia de Anna. (Org.). PSICOPEDAGOGIA, INCLUSÃO E SAÚDE: APROXIMAÇÃO DE SABERES. 1ed.Porto Alegre: Edipucrs, 2013, v. 1, p. 5-20.

MOROSINI, M. C. ; SOMERS, P. ; SANTOS, B. S. ; OLIVEIRA, A. M. ; NETTO, C. S. B. . A inclusao e a retenção de estudantes do ensino superior em Community Colleges. In: Bettina Steren dos Santos; Lucia de Anna. (Org.). A Psicopedagogia em Diferentes Cenários. 1ed.Porto Alegre: Edipucrs e Foro Itálico de Roma, 2013, v. 1, p. 1-17.

SANTOS, B. S. ; ANTUNES, D. D. . Formação Docente: processos motivacionais e subjetividade. In: Ada Augusta celestino Bezerra, Marilene Batista da Cruz Nascimento. (Org.). Educação e Formação de Professores: questões contemporâneas. 01ed.Fortaleza: UFC, 2013, v. , p. 297-330.

SANTOS, B. S. . A Motivação humana: Influência dos aspectos sociais no contexto educativo. In: Bettina Steren dos Santos; Denise Dalpiaz Antunes; Jussara Berrnardi. (Org.). Processos Motivacionais em Contextos Educativos. Teoria e Prática. 1ed.Ramda: Edições Pedago Ltda, 2012, v. 1, p. 11-22.

SANTOS, B. S. ; MOSQUERA, J. J. M. ; STOBÄUS, C. D. ; ANTUNES, D. D. ; BERNARDI, J. . Oficinas de autoconhecimento e motivação docente. In: SANTOS, Bettina Steren dos; ANTUNES, Denise Dalpiaz; BERNARDI, Jussara. (Org.). Processos Motivacionais em Contextos Educativos: Teoria e Prática. 01ed.Lisboa: Edições Pedago Ltda, 2012, v. 01, p. 105-125.

SANTOS, B. S. ; MOROSINI, M. C. ; CASARTELLI, Alam de Oliveira ; SILVA, A. C. Benso da ; SHMITT, R.E. ; COPETTI, R. E. . A Evasão da Educação Superior no Brasil: uma análise da produção nos periódicos Qualis no período 2000-2011.. In: Jesús Arriaga Garcia de Andoaín y otros. (Org.). I CLABES, Primeira Conferencia Latinoamericana sobre el abandono en la educación superior. 01ed.Madrid: Depto. de Publicaciones de la E.U.I.T de Telecomunicación, 2012, v. 01, p. 65-73.

SANTOS, B. S. ; NETTO, C. S. B. ; GIRAFFA, L. M. M. . Estratégias para auxiliar a controlar a evasão em cursos virtuais: a experiência da PUCRS VIRTUAL. In: Jesús Arriaga Garcia de Andoaín y otros. (Org.). I CLABES, Primeira Conferencia Latinoamericana sobre el abandono en la educación superior. 01ed.Madrid: Depto. de Publicaciones de la E.U.I.T de Telecomunicación, 2012, v. 01, p. 83-92.

Eventos

SEMINÁRIO SOBRE DESARROLLO Y ANALISIS DE ENCUESTAS PARA LA TOMA DE DECISIONES

Palestrantes
Prof. Dr. Alberto F. Cabrera
Profª. Drª Maria B. Castañeda
Professor Higher Education – University of Maryland. USA

Coordenação: Profª. Drª. Bettina Steren dos Santos
Data: 31/05; 01/06, 02/06, 08/06, 09/06 e 10/06 de 2010
Local: Sala 301 – Prédio 15 – Laboratório de Informática – LAMI
Inscrições: Email: [email protected]

CRONOGRAMA
31/05 – Seminario sobre desarrollo y análisis de encuestas (3 horas; 9-12 AM)
01/06 – Uso de SPSS y creación de banco de datos (2 horas; 9-11 AM)
02/06 – Análisis de encuestas: Nivel Básico (3 horas; 9-12 AM)
08/06 – Análisis de encuestas: Nivel Intermedio I (3 horas; 9-12 AM)
09/06 – Análisis de encuestas: Nivel Intermedio II (2 horas; 9-11 AM)
10/06 – Analisis de encuestas: Nivel avanzado (3 horas; 9-12 AM)


spssPROCESAMIENTO DE DATOS Y ANÁLISIS ESTADÍSTICOS UTILIZANDO SPSS
Un libro práctico para investigadores y administradores educativos

Maria Belén Castañeda, Alberto F. Cabrera, Yadira Navarro, Wietse de Vries
ISBN 978-85-7430-973-6
EDIPUCRS – 2010

Acessar o livro


Outros EVENTOS

    • XXIX International Congress of the Latin American Studies Association. Os processos motivacionais na qualidade do ensino superior. 2010. (Congresso).
    • V Congresso Sul Brasileiro de Ciências do Esporte. Docentes de Educação Física no ensino superior e suas concepções de motivação. 2010. (Congresso).
    • 9ª Jornada do Núcleo de Ensino de Marília.Formação e atuação de professores: cognição e emoção. 2010. (Outra).
    • II Seminário Internacional de Pessoa Adulta, saúde e educação: motivação em diferentes cenários.Na Adolescência, o processo motivacional e a informática. 2009. (Seminário).
    • XIV Encontro Nacional de Didática e Prática de Ensino – ENDIPE.A Subjetividade Docente nos Processos Motivacionais [27 a 30/4/2008 – PUCRS]. 2008. (Encontro).
  • XIV Encontro Nacional de Didática e Prática de Ensino – ENDIPE. As oficinas de auto-conhecimento e a motivação docente [27 a 30/4/2008 – PUCRS]. 2008. (Encontro).

Galeria de Fotos

Começo do Grupo

Oficina nas escolas

Encontro com professores espanhóis

Apresentação em eventos

II SIPASE

 

Bibliografia

  • AGUADO, L. Emoción, Afecto y Motivación. Madrid: Alianza. 2005.
  • BARDIN, Lawrence. Análise de Conteúdo. 3. ed. Lisboa: Edições 70, 2004.
  • BARDIN, Lawrence. Análise de Conteúdo. 3. ed. Lisboa: Edições 70, 2004.
  • BOCK, Ana M. B.; FURTADO, Odair & TEIXEIRA, Maria de Lourdes T. Psicologias: uma introdução ao estudo de psicologia. São Paulo: Saraiva, 2000.
  • COLL, César; PALACIOS, Jesús & MARCHESI, Alvaro. Desenvolvimento psicológico e educação: Psicologia da Educação. Porto Alegre: Artes Médicas, 1996.
  • D’ANDRÉA, Flávio Fortes. Desenvolvimento da personalidade. Rio de Janeiro: DIFEL, 1983.
  • DAVIDOFF, Linda L. Introdução à psicologia. São Paulo: McGraw-Hill do Brasil, 1983.
  • ESTEVE, José Manuel. A Terceira Revolução Educacional: A educação na sociedade do conhecimento. São Paulo: Moderna, 2004.
  • FRUTOS, José M. L.; MONEO, Maria J. e HUERTAS, Juan Antonio. Investigación y práctica en motivación y emoción. Madrid: A. machado Libros. 2005.
  • GINSBERG, Margery, B.; WLODKOWSKI, Raymond J. Diversity and Motivation. Culturally Responsive Teaching in College. San Francisco: Jossey Bass, 2009.
  • HUERTAS, Juan A. Motivación. Querer aprender. Buenos Aires: Aique, 2001.
  • ______; ARDURA, Arancha. Socializaçión y Desarrollo do los motivos: Una perspectiva sociocultural. Revista Educação. Ano XXVII, n. 1 (52), p.11-37, Jan/Abr.2004.
  • JESUS, Saul, N. de & SANTOS, Joana C. V. Desenvolvimento profissional e motivação dos professores. . Revista Educação. Ano XXVII, n. 1 (52), p.11-37, Jan/Abr.2004.
  • ______. Psicologia da educação. Coimbra: Quarteto Editora, 2004.
  • MASLOW, Abrham. La personalidad creadora. Barcelona: Kairós, 1987.
  • McCLELLAND, David. Estudio de la motivación humana. Madrid: Nancea. 1989.
  • MURRAY, Edward J. Motivação e emoção. Rio de Janeiro: Zahar, 1978.
  • PINTRICH, Paul, R.; Motivación em Contextos Educativos. Teoría, Investigación y aplicaciones. Madrid: Pearson, 2006.
  • POZO, Juan Ignácio. Aprendizes e Mestres. Porto Alegre: Artmed. 2002.
  • SECO, Graça, M. S. B. A satisfação dos professores. Teorias, modelos e evidências. Porto: Asa, 2002.
  • SALILI, Farideh; HOSSEIN, Rumjahn. Teaching, Learning, and Motivation in a Multicultural Context. Connecticut: Information Age Publishing , 2003.
  • SANTOS, Bettina S. dos. & BOZÁ, Angel, C. A motivação em diferentes cenários. Porto Alegre: EDIPUCRS, 2010.
  • SANTOS, Bettina, S dos; ANTUNES, Denise, D. Vida Adulta, Processos Motivacionais E Diversidade. Educação, ano XXX, n. 61, p. 149-164, jan./abr.2007.
  • STAKE, Robert E. Investigación con estudio de casos. Madrid: Ediciones Morata, 1998.
  • TAPIA, Jesús A. Motivación y aprendizaje en el aula: como enseñar a pensar. Madrid: Santillana, 1991.
  • ______. Motivar en la adolescencia: teoría, evaluación e intervención. Madrid: Servicio de Publicaciones de la Universidad Autónoma, 1992.
  • ______. Motivar en la escuela, motivar en la familia. Madrid: Morata, 2005.
  • ______ & FITA, Enrique C. a motivação em sala de aula. São Paulo: Loyola, 1999.
  • WENTZEL, Kathryn, R.; WIGFIELD, Allan. Handbook of Motivation at School. New York: Routledge, 2009.

Processos Motivacionais em Contextos Educativos - Promot (Programa de Pós Graduação em Educação)

Av. Ipiranga, 6681
Prédio 15 - Sala 380 - Caixa Postal 1429
Porto Alegre/RS - Brasil - CEP 90619-900
Telefone: (51) 3320.3500 - Ramal 8253
E-mail:

Dra. Bettina Steren dos Santos
Professora Orientadora
Professora do PPGEDU/PUCRS