Projetos de Pesquisa da PUCRS vão contribuir com o SUS no Rio Grande do Sul

Seis projetos foram selecionados em resultado preliminar. Objetivo do edital da Fapergs é apoiar iniciativas que promovam a melhoria da atenção à saúde no Rio Grande do Sul

05/01/2021 - 14h49
Programa Pesquisa para o SUS irá apoiar iniciativas que promovam a melhoria da atenção à saúde no Estado

Programa contribui para o desenvolvimento da ciência, tecnologia e inovação no contexto do SUS / Foto: Gustavo Fring/Pexels

Seis projetos de pesquisa desenvolvidos por pesquisadores da PUCRS foram selecionados em resultado preliminar do Programa Pesquisa para o SUS (PPSUS). O objetivo do Edital 08/2020, promovido pela Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Rio Grande do Sul (Fapergs), é apoiar iniciativas que promovam a melhoria da qualidade da atenção à saúde em temas prioritários para o estado do Rio Grande do Sul. O programa representa uma significativa contribuição para o desenvolvimento da Ciência, Tecnologia e Inovação em Saúde (CT&IS) no contexto do Sistema Único de Saúde (SUS).

Ao todo, foram 195 propostas submetidas ao edital, sendo que, na seleção final, apenas 60 das 80 iniciativas foram aprovadas. O valor total disponibilizado por meio desta chamada é de R$ 7,5 milhões e os projetos deverão ser executados no prazo máximo de 24 meses, contados a partir da assinatura do Termo de Outorga.

Conforme o pró-reitor de Pesquisa e Pós-Graduação da PUCRS, professor Carlos Eduardo Lobo e Silva, o Programa Pesquisa para o SUS é uma importante iniciativa da Fapergs para fomentar o desenvolvimento científico e tecnológico aplicado à saúde no Rio Grande do Sul. “Os projetos contemplados nesta chamada são exemplos da excelência do trabalho de nossos pesquisadores na constante busca por soluções que sejam capazes de resolver diversos problemas que desafiam a saúde de nossa sociedade”, aponta.

Conheça os pesquisadores e projetos selecionados no Programa Pesquisa para o SUS

Ana Maria Marques da Silva: Padronização e harmonização dos procedimentos de diagnóstico por imagem em PET/CT com FDG

Angelo Brandelli CostaDesenvolvimento de uma intervenção autoguiada para redução de desfechos negativos de saúde mental em pessoas LGBT na Saúde Pública do Rio Grande do Sul: treinamento de profissionais evidências de eficácia e efetividade

Douglas Kazutoshi SatoMarcadores sociodemográficos comportamentais clínicos e moleculares para identificação de idosos com risco de infecções graves pela Covid-19

Kátia Bones RochaSaúde de mulheres que fazem sexo com mulheres (MSM): uma questão para o Sistema Único de Saúde (SUS)

Régis Gemerasca MestrinerUtilidade da medida da suavidade da mobilidade funcional por meio do comprimento do arco espectral (SPARC) para a predição de quedas da própria altura em idosos

Thiago Wendt ViolaAnálise de incidência prevalência e impacto clínico da exposição a violência sexual em mulheres usuárias de cocaína-crack em tratamento para desintoxicação no SUS