Medalha Irmão Afonso: homenagem a profissionais que marcam a história da PUCRS e HSL

Entrega é uma forma de agradecimento à dedicação de pessoas de diferentes áreas

27/11/2020 - 09h25

Em novembro a PUCRS realizou a entrega do tradicional reconhecimento em agradecimento a profissionais que há 25 anos atuam na Universidade e no Hospital São Lucas da PUCRS. A Medalha Irmão Afonso é um símbolo de gratidão a todas as pessoas que, mesmo se dedicando a áreas e contextos tão diferentes, por meio da união representam um mesmo propósito: o cuidado integral com a comunidade. 

Em 2020, a pandemia trouxe o desafio de seguir valorizando as histórias de vida de nossos homenageados e homenageadas, mas em um novo formato. As medalhas e certificados foram entregues diretamente nas residências. Já o tradicional evento presencial foi realizado de forma online.

 

 

Conheça neste link um pouco mais sobre cada profissional que recebeu a homenagem deste ano.

Foi pelo menos, um quarto de século dedicado ao serviço de um ideal maior, para um mundo em constante transformação. O valor representativo desta medalha está na proporção de sua dedicação à causa, nestes vinte e cinco anos, destaca o Irmão Arlindo Corrent. 

Significado da medalha 

Medalha Irmão Afonso: homenagem a profissionais que marcam a história da PUCRS e HSLFilho de uma família profundamente cristã e religiosa, Irmão Afonso nasceu em 19 de agosto de 1887, próximo à cidade de Lille, ao norte da França. Foi registrado com o nome de Charles Désiré Joseph Herbaux e, aos 12 anos, ingressou em uma Escola de Formação de Jovens que pretendiam seguir a Vida Marista. 

Começou a atuar como professor no Colégio Sant’Ana de Uruguaiana em 1904 e, em 1907, foi transferido para Santa Maria, onde atuou como professor e diretor por 19 anos. Em Porto Alegre, foi responsável pela criação do Instituto Superior do Comércio, o primeiro do sul do país; e pelo curso de Administração e Finanças, a atual Escola de Negócios, dando assim início ao que seria a PUCRS 

A medalha hoje representa: a fidelidade ao carisma de São Marcelino Champagnat, o comprometimento com o sonho do Irmão Afonso e a dedicação por mais de 25 anos a uma Obra de Educação e Formação para a sociedade contemporânea.  

Leia também: Dedicação e amor ao trabalho