Estudantes da Universidade participam de conferência mundial da Apple

Quatro alunos do curso de Engenharia de Software da Escola Politécnica tiveram seus projetos selecionados

25/06/2020 - 16h15
Projeto desenvolvido pelo aluno Adriano Ramos estimula o cálculo mental / Foto: Arquivo pessoal

Projeto desenvolvido pelo aluno Adriano Ramos estimula o cálculo mental / Foto: Arquivo pessoal

Um dos maiores eventos de tecnologia do mundo, a Worldwide Developers Conference (WWDC), promovida pela Apple, acontece até a próxima sexta-feira, dia 26 de junho. Na edição deste ano, quatro estudantes do curso de Engenharia de Software tiveram seus projetos selecionados entre 350 estudantes do mundo todo para participar do evento. Os alunos fazem parte da Apple Developer Academy PUCRSuma parceria entre a Apple Inc., a Escola Politécnica e oInstituto de Pesquisas Eldorado.

Para a professora Ana Bacelo, coordenadora do curso de Engenharia de Software, a seleção dos alunos exemplifica o trabalho conjunto na formação acadêmica. “Frequentemente temos alunos participando do programa Apple Developer Academy. É muito gratificante ver estes estudantes tendo seus projetos aceitos para apresentação na WWDC, pois representa um trabalho conjunto de formação acadêmica: o estudo curricular do curso e a prática técnica”, comenta.

A professora também destaca que os projetos podem ser vistos como inspiração para quem deseja alcançar oportunidades semelhantes. “A participação destes alunos em uma conferência mundial serve de motivação para os demais estudantes do curso na busca por programas de iniciação científica, formação técnica e estágios que propiciem oportunidades semelhantes”, aponta Ana.

Projetos propõem soluções educacionais

Projeto Historical linguistics, desenvolvido por Thiago Nitscheck / Foto: Arquivo pessoal

Projeto Historical linguistics, desenvolvido por Thiago Nitschke / Foto: Arquivo pessoal

Os quatro estudantes do curso de Engenharia de Software que tiveram seus projetos selecionados para a WWDC desenvolveram jogos que propões soluções em diversas áreas educacionais.

A iniciativa desenvolvida por Adriano Ramos, aluno do 5º semestre, é um jogo infantil que estimula o cálculo mental. De acordo com estudante, o jogador precisa calcular rapidamente uma expressão aritmética simples para destruir os obstáculos do jogo e pontuar. “Eu tenho um irmão de 12 anos que está no último ano do ensino fundamental e ele sempre pede minha ajuda em matemática. A partir daí veio a motivação de fazer algo nesse contexto. O propósito do jogo é unir diversão e aprendizagem ao mesmo tempo”, afirma Ramos.

Já o projeto Historical linguistics, criado pelo estudante Thiago Nitschkeque cursa o 6º semestre, auxilia a entender como os idiomas se modificam. “Elaborei um playgroundbook, programa em formato de livro do Swift Playgrounds da Apple, que ensina sobre as modificações linguísticas e demonstra que alguns idiomas são mais aparentados do que comumente se tem noção”, explica Nitschke. O aluno também destaca que a elaboração do projeto proporcionou uma experiência prática interdisciplinar. “Consegui unir algumas das áreas pelas quais eu tenho maior interesse: linguística, programação, tecnologia e design. Eu mesmo fiz todas as imagens do programa”, comenta.

Projeto NeoFlip, desenvolvido por Matheus Ferreira / Foto: Arquivo pessoal

Projeto NeoFlip, desenvolvido por Matheus Ferreira / Foto: Arquivo pessoal

O estudante Matheus Ferreira, graduando do 7º semestre, também teve seu projeto selecionado para o WWDC. Ferreira conta que o NeoFlip é um jogo de cartas em que o jogador precisa acertar todas as combinações em apenas 30 segundos, estimulando a memorização e a agilidade mental. O estudante ainda aponta que o design do NeoFlip busca levar ao jogador a sensação de estar diante de cartas reais. “O design do jogo usa o conceito de Neomorfismo, que se baseia na aplicação de sombras nos objetos, criando a aparência de relevo ou aspecto 3D nas cartas”, destaca Ferreira.

Para Alexandre Bing, aluno do 6º semestre, ter o projeto selecionado para uma conferência mundial, é uma conquista que demonstra a aplicação real dos conceitos estudados na graduação. “Ingressei no curso de Engenharia de Software sem saber uma só linha de programação. É muito bom ver que boa parte dos conceitos que aprendemos estão sendo aplicados na prática e, o que é melhor, tornando mais ágil o desenvolvimento de projetos como esses”, ressalta Bing. O estudante desenvolveu o jogo Sales Emergency: Na Office Crysis Puzzle, que tem como propósito demonstrar a importância de uma boa comunicação para o trabalho em equipe. “O cenário do jogo é um escritório em que o jogador, no papel de um gerente de vendas, deve montar duplas de vendedores para um grande evento. Para isso, ele precisa conversar com os colaboradores, que indiretamente dão dicas sobre como combinar os pares”, explica.

Sobre a WWDC

Projeto Sales Emergency: Na Office Crysis Puzzle, desenvolvido por Alexandre Bing / Foto: Arquivo pessoal

Projeto Sales Emergency: Na Office Crysis Puzzle, desenvolvido por Alexandre Bing / Foto: Arquivo pessoal

A WWDC é a conferência mundial anual da Apple para os desenvolvedores cadastrados nas plataformas da empresa. Este é o evento mais esperado do ano dentro do universo da companhia. Além de acompanhar palestras e lançamentos, os convidados participam de laboratórios com troca de experiência direta com os engenheiros de software da companhia e trocam experiências com pessoas do mundo inteiro. Este ano, o evento está ocorrendo totalmente de forma online.

Sobre a Apple Developer Academy

A Apple Developer Academy oferece capacitação para o desenvolvimento de aplicativos para os dispositivos da Apple. O programa é gratuito, aberto para acadêmicos de qualquer curso.

A iniciativa propõe uma série de desafios aplicados a questões do mundo real, de modo a estimular a capacidade criativa, conhecimento técnico e habilidades específicas na solução de problemas. O currículo engloba disciplinas de desenvolvimento de software, design, experiência do usuário e empreendedorismo. Todo esse conteúdo é preparado por profissionais altamente qualificados, sintonizados nas mais recentes novidades do crescente mercado de aplicativos.

Para acompanhar notícias sobre a ação, basta acessar a página no Facebook. Lá também é possível acompanhar novidades de outros projetos oferecidos.