19/11/2019 - 09h54

Conheça a pontozero, vencedora do Startup Garagem

A startup tem como propósito fornecer dados precisos e imparciais dentro de canteiros de obras

pitch-3501A sétima edição do Startup Garagem, Programa de Modelagem de Negócios do Parque Científico e Tecnológico da PUCRS (Tecnopuc), bateu recordes de participantes: mais de 70 pessoas. Após três meses de mentorias, as 21 startups desenvolvidas no programa apresentaram seus negócios em formato de pitch – pequenas apresentações de 3 minutos – no Pitch Day PUCRS, que reuniu participantes de programas de desenvolvimento de empreendedores da Universidade. Quem levou para casa o troféu desta edição foi a pontozero, startup que tem como propósito fornecer dados precisos e imparciais dentro de canteiros de obras.

O prêmio é um fastpass para o pré-startup do Tecnopuc, programa com duração de 1 ano para o desenvolvimento do negócio, que oferece espaço de coworking, mentorias e workshops.

 

Confira abaixo entrevista com os integrantes da pontozero, Gustavo Fonseca, Nilana Mitida e Rodrigo Camargo.

  • O que representa para a pontozero ser destaque nesta edição do Startup Garagem?

Nilana – Em primeiro lugar, ficamos extremamente felizes e com uma sensação de superação, porque havíamos entrado no programa com um projeto totalmente diferente. E graças a todo o suporte do Tecnopuc, de nos nortear na modelagem de Negócios, encontramos nosso propósito. Ficamos muito felizes por termos recebido esse destaque entre tantas startups com ótimas ideias e muito potencial. Ficamos sem palavras!

Gustavo –  E é uma dose extra de motivação termos sido destaque no Garagem, pois só nos incentiva a continuar buscando nossos objetivos com o projeto.

  • Como foi participar do Startup Garagem?

Nilana – Conhecemos o Garagem através de um professor da PUCRS; eu fui aluna do curso de Engenharia Civil na Universidade e entrei em contato com ele para ter ideias de como começar o nosso negócio. Eu não tinha muito contato com os programas, mas ele nos passou os editais, inclusive do Garagem. Superou muito as nossas expectativas, crescemos demais ao longo desses três meses.

  • Quais os planos da pontozero para o futuro?

Nilana – Entraremos no programa de pré-startup do Tecnopuc e acredito que a partir do momento que nós começarmos e conversarmos com nosso advisor, vamos traçar algumas metas para que, até março do ano que vem, estarmos com a nossa prototipagem no mercado para começar a rentabilizar o projeto.

  • Qual dica vocês dariam para quem está pensando em começar?

Rodrigo – Eu diria para procurar algo parecido com o Startup Garagem, porque se tem a ideia mas não se sabe como executar. Acho que esse programa nos encaminha para acharmos a melhor solução para o nosso negócio.

Gustavo – E estar aberto a ouvir as pessoas que estão aqui dentro. A pessoa precisa estar disposta a aprender, porque o conhecimento que tu absorves aqui é muito grande. Tu precisas correr atrás dessas informações, não esperar que as coisas simplesmente aconteçam, além de aproveitar todos os recursos que o Parque oferece. Só temos a agradecer ao Tecnopuc, que nos ajudou demais na nossa evolução.

Acho que se não fosse o programa, nós nem teríamos uma startup hoje.

Nilana – O suporte que o Tecnopuc nos dá é incrível e quem vem aberto para receber o turbilhão de informações e entender que críticas servem para aprimorar a modelagem do negócio só vai agregar em benefícios pessoais e para sociedade.

Compartilhe

Leia Mais Veja todas

Últimas Notícias