28/05/2014 - 13h43 - Por: Redação Tecnopuc

Representantes da PUCRS participam de missão internacional na China e Finlândia

Diretores do Tecnopuc e AGT acompanham grupo liderado pela Anprotec em parceria com o MCTI.

missao-china

Rafael Prikladnicki e Maurício Testa
Crédito: Arquivo pessoal/PUCRS

O diretor do Tecnopuc, Rafael Prikladnicki, e o diretor da Agência de Gestão Tecnológica da PUCRS, Maurício Testa, participam da missão internacional liderada pela Associação Nacional de Entidades Promotoras de Empreendimentos Inovadores (Anprotec) e pelo Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação (MCTI) à China e à Finlândia. O roteiro, que se encerra no dia 6 de junho, contempla visitas aos principais centros de inovação e agências governamentais dos dois países, além de reuniões, encontros e diálogos com agentes dos sistemas de inovação locais.

Um dos Parques Tecnológicos visitados na China foi o Z Park, um dos maiores do País. Prikladnicki observa que um dos pontos que mais se destacaram nas primeiras interações na China foi o salto que o país deu nos últimos anos, deixando de usar a marca Made in China para adotar o Created in China. “Os Parques possuem um papel central nesta transformação”, conta. No Z Park, está instalada a empresa Baidu, segundo maior buscador de internet do mundo, com cerca de 40 mil funcionários, e que abriu escritório em São Paulo em novembro de 2013.

Para o diretor do Tecnopuc, também chamou a atenção o incentivo à geração de negócios a partir do conhecimento. “As empresas do Z Park gastaram, em 2013, o equivalente a R$ 40 bilhões de reais em atividades de pesquisa e desenvolvimento. As empresas do parque depositaram em torno de 37 mil patentes somente em 2013”, informa. A passagem pela China se estenderá até o dia 30 de maio. Até lá, a comitiva ainda irá visitar o TusPark, com o qual a PUCRS alinha possibilidades de cooperação.

A missão chegará à Finlândia no dia 2 de junho, estendendo-se até o dia 6 de junho no mesmo país. O principal objetivo da viagem é propiciar um contato direto com a experiência exitosa dos dois países na consolidação dos sistemas locais de inovação. A comitiva é composta por formadores de políticas públicas, dirigentes das entidades de apoio e fomento e gestores de parques tecnológicos e incubadoras de empresas do Brasil.

Compartilhe

Leia Mais Veja todas

Últimas Notícias

Veja todas notícias