Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul

Cursos,Especialização,Extensão,MBA,Idiomas,Educação,Vestibular,Pós-Graduação,Educação

Cursos

Graduação

Pós-Graduação

MBA

Vestibular

Institucional

Projetos Especiais

Centrada na formação humana e profissional e voltada à comunidade na qual está inserida, a Universidade desenvolve um trabalho permanente de melhoria da infraestrutura, de capacitação de docentes e funcionários, de renovação dos conteúdos e meios didático-pedagógicos. Promove a interação com a comunidade e a qualidade de vida, buscando ser referência nacional e internacional pelas ações solidárias e pela qualidade dos serviços prestados, consolidando, ao longo de sua trajetória histórica, uma grande diversificação de projetos, mencionados a seguir.


Labelo

Labelo – Laboratórios Especializados em Eletroeletrônica, Calibração e Ensaios, criado inicialmente para atender às atividades acadêmicas dos cursos de Engenharia Elétrica e Eletrônica, está entre os três maiores prestadores de serviços tecnológicos do País, com acreditação ao INMETRO. É também referência internacional, tendo reconhecida sua competência técnica, fruto de 20 anos de relacionamento com o PTB da Alemanha, instituição governamental de referência na área de tecnologia física, equivalente ao INMETRO no Brasil. Presta serviços anualmente a mais de 3.500 clientes da indústria nacional, apoiando o desenvolvimento da metrologia em programas de avaliação da conformidade, eficiência energética de produtos e na disseminação da rastreabilidade através dos serviços de calibração. Ao mesmo tempo, está fortemente envolvido na política de irradiação da cultura, tendo treinado mais de 1.500 pessoas de vários Estados.

adm_aaii_labelo


Campus Vila Fátima

A Universidade também tem dirigido sua atenção à população carente no Centro de Extensão Universitária Vila Fátima, desenvolvendo programas de extensão com o fim de melhorar os indicadores da comunidade e qualificar a formação acadêmica. Desde sua criação, em 1980, com a participação efetiva de estudantes e professores, são prestados serviços à comunidade em diversas áreas, permitindo que o ensino acadêmico entre em contato com as necessidades da região, fornecendo assistência de qualidade à saúde e à educação da população. As atividades são desenvolvidas em parceria com o Ministério da Saúde, Secretaria Municipal de Saúde e Fundo de Assistência Social e Cidadania e englobam as áreas de educação, enfermagem, letras, arquitetura e urbanismo, matemática, medicina, odontologia, psicologia e serviço social.cial.

adm_aaii_vilaFatima


Pró-Mata

Projeto de pesquisa relativo à proteção, restauração e preservação da natureza e da biodiversidade brasileira é desenvolvido pela Universidade mediante o Centro de Pesquisas e Conservação da Natureza Pró-Mata. Localizado no município de São Francisco de Paula, na serra gaúcha, em uma região com cerca de 4.500 hectares de araucárias e mata atlântica, o Pró-Mata foi criado unindo o empenho dos professores Jeter Jorge Bertoletti, então diretor do Museu de Ciências e Tecnologia, e Wolf Engels, através do apoio da Universidade de Tübingen, da Alemanha.

adm_aaii_proForestry


Centro de Eventos

Outro marco importante para a cidade e a comunidade em geral foi a criação do Centro de Eventos, inaugurado em setembro de 1998. Um espaço adequado para realização de eventos científicos, culturais, empresariais e recreativos, com estrutura adequada para acolher feiras e exposições de equipamentos e materiais. A área, com cerca de 27 mil m², flexível e de multiuso, tornou-se palco de importantes eventos, entre eles o Fórum Social Mundial, a Reunião Anual da SBPC, formaturas acadêmicas e congressos científicos.

adm_aaii_eventsCenter


Museu de Ciências e Tecnologia

Com o objetivo de promover e difudir o conhecimento científico à comunidade, tornando popular a compreensão dos fenômenos naturais e contribuindo com a educação científica das crianças e dos jovens, a Universidade criou e mantém o Museu de Ciências e Tecnologia (MCT). Um dos maiores da América do Sul, hoje é referência para Museus e Centros de Ciências do país. São cerca de 700 experimentos interativos, abordando fenômenos naturais e de relações do homem com o mundo. As instalações, construídas com estrutura própria para abrigar o Museu, estão distribuídas em cinco pavimentos e dois mezaninos, em uma área de 17.500 m². Há espaços para o acervo científico e didático, exposições, feiras de ciências, laboratórios modernos para pesquisa, outros para formação e capacitação de professores, oficinas e administração. O MCT teve início no Curso de História Natural, com as atividades do professor Jeter Jorge Bertoletti, a partir da década de 1950. Conta ainda, entre outros projetos, com o Museu Itinerante (Promusit), levando especialmente às cidades do interior do Estado, mediante um caminhão com semirreboque os experimentos interativos e dezenas de kits pedagógicos para o desenvolvimento de oficinas e minicursos.

adm_aaii_museum


Projeto Reflexões

Inserido no planejamento institucional, com vista à necessidade de qualificação permanente dos seus professores e funcionários administrativos, o Projeto Reflexões é outra importante ação da Universidade. Lançado no ano de 2000, a razão fundamental da sua realização está relacionada ao bom desempenho das funções da educação superior, ensino, pesquisa, extensão e ações comunitárias, as quais requerem competência e, sobretudo, comprometimento de todas as pessoas envolvidas. Consta de seu objetivo essencial a reflexão de forma ampla e profunda da identidade e missão da Universidade que, por ser católica e mantida pelo Instituto dos Irmãos Maristas, tem uma responsabilidade ainda maior e especial compromisso com as pessoas e com a sociedade em que está inserida. Nessa interação, têm sido propiciados espaços de escuta e diálogo com a apresentação de elementos característicos da identidade universitária, entre eles o carisma marista e a centenária tradição educativa da Entidade Mantenedora.

adm_aaii_reflections


PUCRS Virtual

Além da qualificação acadêmica nos cursos presenciais, difundindo o saber e a formação integral de profissionais solidários e empreendedores engajados no progresso da humanidade, a Universidade deu um grande salto em relação à educação a distância com a criação, em 2000, da PUCRS Virtual – Unidade de Educação a Distância, atualmente também denominada de Coordenadoria de Educação a Distância. A PUCRS foi a primeira instituição de ensino superior no país a construir uma rede com a utilização de satélite para a transmissão de teleconferências e videoconferências.  A PUCRS foi recredenciada para EAD em 2013 para a realização de cursos de extensão e especialização na modalidade de EAD, além das disciplinas semipresenciais na graduação.

adm_aaii_ead


Fé e Cultura

O provérbio antigo “a fé procura a razão e a razão procura a fé” manifesta um pouco da motivação pela qual foi criado o Fé e Cultura em 2002. Um projeto que proporciona a realização firme e paulatina da Visão de Futuro da Instituição, por meio do “diálogo entre ciência e fé”. Mais do que nunca, no âmbito universitário, há um convite para aprofundar os princípios constitutivos da fé católica, dialogar sobre o progresso das ciências e sobre sua aplicação para o bem da humanidade.


Parque Tecnológico

Na busca de desenvolvimento tecnoeconômico e social da região e do país, a PUCRS inaugurou oficialmente, em agosto de 2003, seu Parque Tecnológico, o Tecnopuc. Estão entre os objetivos específicos do Parque atrair empresas de pesquisa e desenvolvimento para trabalhar em parceria com a Universidade; promover a criação e o desenvolvimento de novos empreendimentos de base tecnológica, estimulando a inovação e a interação empresas-universidade; desenvolver sinergia positiva entre o meio acadêmico e o empresarial e a atuação de forma coordenada com as esferas governamentais, particularmente no âmbito do Projeto Porto Alegre Tecnópole. Para a coordenação do projeto foi criada a Agência de Gestão Tecnológica e Propriedade Intelectual (AGT), que é o mecanismo institucional que tem como objetivo atuar como agente facilitador do processo de interação universidade-empresa, fomentar a cultura empreendedora na Universidade, viabilizando e estimulando o desenvolvimento de projetos de pesquisa e desenvolvimento conveniados com o setor empresarial, de forma a aliar as necessidades do mercado com o saber e o conhecimento existentes na Universidade.

adm_aaii_technological


Prédio Poliesportivo

Na área esportiva, a Universidade apresenta como destaque o Parque Esportivo – um moderno complexo para a prática de diversas modalidades esportivas, edificado com base em padrões internacionais de qualidade, com excelente estrutura, tendo como base duas edificações principais o Prédio Poliesportivo e o Estádio Universitário. A primeira unidade, inaugurada em setembro de 2003, foi o Prédio Poliesportivo, núcleo central do Parque. É um projeto arquitetônico e estrutural com nove andares, sendo que em um bloco estão múltiplas infraestruturas, entre elas Laboratório de Avaliação e Pesquisa em Atividades Físicas, auditório para 210 lugares, com salas de apoio, laboratório de informática e quadras de squash. No outro bloco, estão as grandes áreas esportivas, distribuídas em quatro pisos, com pé direito equivalente a dois andares cada um. O destaque está na piscina térmica olímpica, equipada com visores laterais que permitem o acompanhamento, sob a água, da performance do nadador. É a primeira piscina olímpica coberta no Estado e está localizada no primeiro piso. Nos demais pisos, estão quadras poliesportivas, áreas para ginástica e para lutas marciais e quadras de tênis.

A outra grande estrutura é o Estádio Universitário, construído justaposto ao estacionamento coberto. Conta com um campo de futebol de dimensões oficiais e uma pista de atletismo com a mais avançada tecnologia. Possui grama especial, com grande resistência e capacidade de recuperação. Sob o estádio há um estacionamento coberto com capacidade para 720 vagas. A pista de atletismo, construída com o mesmo material utilizado nas últimas cinco Olimpíadas, está distribuída em oito raias de 1,22m de largura com 400 metros de extensão. O Estádio Universitário também pode acolher outras modalidades, como saltos em altura, salto com vara, salto em distância e salto triplo, lançamentos de dardo, de disco e de martelo e arremesso de peso. A arquibancada do estádio é coberta e tem capacidade para receber 2.100 espectadores. Oferece cabines para árbitros e emissoras de rádio e televisão.

Com a inauguração de seu Parque Esportivo, a PUCRS, além de oferecer condições para abrigar grandes competições nas mais diversas modalidades esportivas, reafirma as linhas de gestão da administração da Universidade, baseadas na qualidade, na inovação, no empreendedorismo e no relacionamento com a sociedade.

adm_aaii_sportsCenter

 

 

 

 

 

adm_aaii_stadium


Uso Sustentável da Energia (USE)

Comprometida com a sustentabilidade, a PUCRS vem implementando, desde 2008, uma nova política de gestão de energia no Campus. O projeto Uso Sustentável da Energia (USE) é o responsável por administrar as mudanças que vêm ocorrendo gradualmente nos âmbitos ambiental, social e econômico dentro da Universidade. Desenvolvido e aplicado por uma equipe multidisciplinar, o Projeto planeja e executa ações técnicas, educacionais e de comunicação na área da energia. Para mais informações, entre em contato pelo email projetouse@pucrs.br, ou pelo telefone (51) 3353.4841. Você também pode acompanhar nossas redes sociais Twitter e Youtube.