20/12/2019 - 13h37

Instituto do Cérebro seleciona idosos para estudo sobre memória Pesquisa será realizada por telefone e presencialmente

O Instituto do Cérebro do Rio Grande do Sul (Inscer) seleciona pessoas com 65 anos ou mais para participar de forma voluntária de um estudo sobre os mecanismos da memória. A pesquisa é realizada em três etapas: primeiro, a equipe do Inscer entra em contato por telefone e faz perguntas gerais sobre a saúde. Após, é realizada uma avaliação cognitiva individual no Instituto. Por último, alguns participantes são selecionados para os exames de imagem. Para participar, é preciso entrar em contato pelo e-mail memoriapucrs@gmail.com.

Iniciativa busca diagnóstico precoce da Doença de Alzheimer
A pesquisa busca achar uma relação entre os exames de imagem e algumas substâncias do sangue que possam auxiliar no diagnóstico e detectar precocemente a Doença de Alzheimer. O foco principal é em algumas proteínas que se depositam no cérebro, já que alguns estudos sugerem que essas proteínas podem ser encontradas no sangue. “Num cenário otimista, um exame de sangue poderia ter um valor diagnóstico tão bom quanto um exame de PET – mas com um custo acessível ao sistema de saúde brasileiro”, afirma o pesquisador Wyllians Borelli. Ele lembra que esse estudo é um dos únicos no Brasil envolvendo diagnóstico precoce da Doença de Alzheimer, antes mesmo de aparecerem os sintomas de esquecimento: “Assim, poderemos usar essa janela terapêutica para evitar que a doença avance”, acredita.

Compartilhe

Leia Mais Veja todas