Liga da Saúde e Espiritualidade

Diz o ditado popular que a “fé move montanhas”, e que “pensar positivo é meio caminho andado”, mas, para além do populismo informal, a ciência tem demonstrado de forma empírica o quanto a espiritualidade e a medicina podem andar de mãos dadas. Nesta linha, acadêmicos do quarto e oitavo semestre da Escola de Medicina da PUCRS se reuniram para formar a Liga de Saúde e Espiritualidade. 

Desde o início do ano, eles organizam atividades como seminários para discutir tópicos sobre este tema. “Percebemos que a relação da espiritualidade com a saúde é pouco abordada em sala de aula, por isso achamos importante destacar este assunto em grupos de estudo de forma mais científica e menos mística”, afirma Gabriel Panitz, um dos fundadores da Liga. 

Em agosto, eles se reuniram com o vice-reitor da PUCRS e diretor do InsCer, Jaderson Costa da Costa e com o coordenador do Programa de Pós-Graduação em Teologia e Bispo Auxiliar de Porto Alegre, Dom Leomar Brustolin, para reforçarem a criação da Liga da Espiritualidade. “Este foi um momento para legitimar nossas ações, e o Dr. Jaderson abriu as portas para que possamos começar a pesquisar também sobre o tema”, afirma Letícia Camargo. 

Hoje, existem doze “ligantes”, acadêmicos que participam da Liga da Saúde e Espiritualidade, mas a ideia é que o grupo aumente, se consolide e que o tema seja cada vez mais inserido nas disciplinas da graduação. “A maioria dos pacientes gostam de falar sobre a sua espiritualidade nas consultas médicas, esse assunto precisa ser mais discutido”, conclui Gabriel. 

Quem quiser saber mais informações ou se unir à Liga da Saúde e Espiritualidade pode enviar email para liasepucrs@gmail.com