Efluentes, emissões e resíduos

Coleta semestral de resíduos de laboratório

O Serviço de Segurança e Medicina do Trabalho (SESMT) da PUCRS realiza a coleta semestral dos resíduos de laboratórios de ensino e pesquisa do campus central da universidade. Os resíduos biológicos e perfurocortantes são encaminhados para empresa licenciada pela FEPAM (Fundação Estadual de Proteção Ambiental) e os resíduos radioativos são encaminhados para a CNEN – Comissão Nacional de Energia Nuclear. Resíduos com metais tóxicos como as chapas de Raio-X geradas pela Escola de Ciências da Saúde são encaminhadas para a Escola de Ciências, sendo extraída a prata, essa é utilizada posteriormente em experimentos didáticos diversos na faculdade. A chapa de plástico limpa também é utilizada em experimentos.

 

Manutenção de Lixeiras para a separação de lixo biológico e perfurocortante em laboratórios de pesquisa e ensino

Em todos os laboratórios de ensino e pesquisa do campus central são mantidas lixeiras exclusivas para o descarte de lixo biológico e perfurocortantes, os quais são recolhidos pelo Serviço de Segurança e Medicina do Trabalho (SESMT) da PUCRS o qual realiza o encaminhamento para o descarte correto.

 

Manutenção de Lixeiras para a separação de lixo orgânico e seco em toda a área do campus

Desde 2000, o campus central possui lixeiras pelos passeios e no interior dos prédios para a segregação do lixo seco (lixeiras azuis) e orgânico (lixeiras laranjas).

 

Triagem dos resíduos em diferentes classes

Os resíduos gerados no campus central da PUCRS são segregados nas classes Químicos, Biológicos, Radioativos, Perfurocortantes, Eletroeletrônicos, Construção civil, Óleos, Vegetação, Lâmpadas fluorescentes, Pilhas e baterias, Pneus, EPIs usados e Solventes.

 

Destinação dos resíduos eletrônicos, químicos, biológico, de serviço de saúde, laboratorial e solventes para empresas licenciadas pela FEPAM

No campus central e Hospital São Lucas, o lixo eletroeletrônico é segregado e encaminhado para o Centro Social Marista (CESMAR) onde é reciclado, o sistema de logística reversa foi adotado para a devolução de pilhas e baterias ao fornecedor e as lâmpadas fluorescentes são encaminhadas para reciclagem por empresa especializada e devidamente licenciada pelos órgãos ambientais.

No campus central, os resíduos químicos, óleo hidráulico, solventes e restos de vegetação são destinados para empresas licenciadas pela FEPAM. As baterias de carros são vendidas para empresa licenciada para reciclagem. Em relação à construção civil, nas obras realizadas por empresas contratadas, é exigido pela PUCRS que a mesma entregue um Plano de Gestão de Resíduos e que os destine para empresas licenciadas, sendo que o SESMT (Setor de Segurança e Medicina do Trabalho) e Divisão de Obras são os responsáveis pela fiscalização in loco e recebimento das evidências de destino. Os Equipamentos de Proteção Individual (EPIs) são higienizados por empresa licenciada (máscaras, luvas de couro, sapatos de segurança, abafadores de ruído, etc) sendo que aqueles que não são passíveis de reuso são destinados como materiais contaminados (resíduo biológico/radioativo/químico…).

No Hospital São Lucas da PUCRS os resíduos de serviços de saúde são segregados na origem, conforme a característica de cada tipo de resíduo, (biológicos, químicos, comuns e perfurocortantes) atendendo a resolução RDC 306/2004 da ANVISA – Agência Nacional de Vigilância Sanitária e a Resolução nº 358/2005 do CONAMA – Conselho Nacional do Meio Ambiente. Os resíduos segregados são coletados por empresas especializadas, e licenciadas pela FEPAM – Fundação Estadual de Proteção Ambiental, para a prestação de serviços de coleta, transporte, tratamento e destino final em aterros licenciados pela FEPAM. Os resíduos recicláveis, (papel, papelão, plástico, alumínio e materiais ferrosos, óleo sobra fritura, outros) são encaminhados para empresas de reciclagem, ou para Unidade de Triagem de resíduos do DMLU. Os resíduos de obras e reformas (construção civil) no Hospital São Lucas são segregados por tipo de resíduo (classes: A; B; C; D) coletados, transportados e encaminhados para destino final, conforme classificação, por empresas especializadas, devidamente licenciadas pela FEPAM para a prestação dos serviços.

 

Substituição de materiais, equipamentos e práticas

Desde 2009 estão sendo realizadas a substituição dos equipamentos eletrônicos de baixa eficiência energética.

 

Plano de Gerenciamento de Resíduos

A PUCRS atualiza anualmente o seu Plano de Gerenciamento de Resíduos onde são informados os procedimentos de segregação, coleta e destinação dos resíduos gerados no campus.