Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul

Cursos,Especialização,Extensão,MBA,Idiomas,Educação,Vestibular,Pós-Graduação,Educação

Cursos

Graduação

Pós-Graduação

MBA

Vestibular

Startup desenvolve dispositivo inteligente para auxiliar plantações

Iniciativa garantiu o primeiro lugar na categoria Desafio Livre do Torneio Empreendedor

09/03/2018 - 19h02
Daniel e Vinícius desenvolveram sistema Flor de Lótus Foto: Camila Cunha

Daniel e Vinícius desenvolveram sistema Flor de Lótus
Foto: Camila Cunha

Durante a graduação em Agronomia, o atual estudante do MBA em Gestão, Empreendedorismo e Marketing da PUCRS Daniel Henrique Strassburger se mobilizou com a informação de que os atuais sistemas de irrigação e pulverização esmagam as plantas e desperdiçam água e agrotóxico. Em parceria com o irmão e estudante do segundo semestre do curso de Ciências Aeronáuticas, Vinícius Mateus Strassburger, desenvolveu o Sistema Flor de Lótus, que garantiu o primeiro lugar na categoria Desafio Livre do Torneio Empreendedor. Foi a primeira experiência empreendedora de ambos.

O produto é um dispositivo pulverizador e irrigador inteligente, que aplica somente as quantidades necessárias de água e agrotóxico em plantações de hortifrútis. A utilização do sistema acaba contribuindo tanto para a melhoria da saúde da população – pela produção de alimentos mais saudáveis – quanto para a qualidade de vida e sustentabilidade do meio ambiente.

A decisão de participar do Torneio Empreendedor partiu do interesse em tirar as ideias do papel e transformá-las em realidade. “Conforme fomos passando as etapas, descobrimos características do nosso projeto que nem fazíamos ideia de que existiam. Não buscávamos apenas vencer o Torneio, mas sim aproveitar toda essa experiência da melhor maneira possível”, conta Daniel.

Os irmãos contam que, durante o Torneio, focaram mais em desenvolver a ideia do sistema. Agora, o objetivo é desenvolver o produto. Para isto, pretendem participar do Startup Garagem, que se encaminha para uma 5ª edição. “Nossas expectativas estão bem altas, pois, até agora, o projeto se mostrou mais eficiente do que os outros produtos do mercado”, compara Vinícius.

 

Conexão entre produtor, vendedor e consumidor

A maior motivação do diplomado em Administração de Empresas Raimundo Noro para desenvolver a startup BeerX, segunda colocada do Desafio Livre, veio da observação do mercado de cerveja artesanal no Brasil. “É um mercado ainda regionalizado, com distribuição limitada. Quero fomentar o desenvolvimento desta área no país”, afirma. A BeerX é uma startup que busca trazer sinergia entre as cervejarias artesanais, os estabelecimentos que revendem e o consumidor, oferecendo uma plataforma multilateral de conexão.

Sendo sua primeira experiência empreendedora, Noro decidiu participar do Torneio para tirar a ideia do papel, se aprofundar no mercado e avaliar as possibilidades de produtos ou serviços que poderiam ser implementados. Para ele, um dos pontos mais importantes no desenvolvimento do espírito empreendedor é a criação de oportunidades para os cidadãos brasileiros. “As startups geralmente têm por objetivo resolver alguma carência existente em determinado mercado. Este cenário traz um alto impacto no desenvolvimento econômico e social do país”, conclui.

 

11ª edição do Torneio Empreendedor

Foto: Camila Cunha

Foto: Camila Cunha

Na 11ª edição, realizada entre agosto e novembro de 2017, a atividade focou na interdisciplinaridade e na busca de soluções e ideias de impacto social. A coordenadora do Torneio, professora Katine Fasolo, conta que os organizadores buscaram incentivar a participação de áreas acadêmicas que não costumavam se envolver nessas iniciativas, assim como focar no desenvolvimento criativo dos projetos, baseado na cooperação interdisciplinar entre alunos e professores de diferentes áreas. Com esses e outros fins, o Torneio estruturou-se em uma série de etapas, como palestras, workshops e mentorias, e também foi dividido em quatro desafios temáticos: Cidades Inteligentes, Era da Informação, Saúde e Bem-Estar e o Desafio Livre. “A ideia foi incentivar os participantes a pensarem em problemas socialmente relevantes e atuais, dos mais variados tipos, nas diferentes áreas de conhecimento, e, assim, buscarem soluções inovadoras, contudo, sem deixar de se preocuparem com o impacto social dos seus projetos”, explica Katine.

Confira os vencedores da categoria Desafio Saúde e Bem-Estar do Torneio Empreendedor neste link.

 

Prêmios

As equipes classificadas em primeiro lugar nos desafios ganharam uma viagem para São Paulo para participar do Festival Path. Além disso, aquelas que ficaram em primeiro e segundo lugar também garantiram uma vaga no Programa Startup Garagem – Programa Equivalente de Pré-Incubação da Incubadora Raiar. Todos os finalistas tiveram Participação exclusiva no Programa Rocket – Programa de Empreendedorismo avançado do Laboratório Interdisciplinar de Empreendedorismo e Inovação – Idear.

 

Torneio Empreendedor

Criado pelo Núcleo Empreendedor em 2007, O Torneio Empreendedor foi inicialmente realizado como um concurso de Plano de Negócios para alunos da PUCRS, evoluindo para uma disputa de projetos de empreendedorismo entre estudantes de diversas áreas do conhecimento.  Atualmente, o Torneio, realizado pelo Idear, aborda técnicas de desenvolvimento de ideias de negócios, como Design Thinking, Golden Circle, Modelages, Pitch, entre outras, em busca de ensinar aos participantes a aplicar e testar seus projetos, que recebem mentorias e avaliações de profissionais do mercado e empreendedores renomados.

A próxima edição está prevista para o segundo semestre deste ano. Fique atento ao site e ao Facebook do Idear.

Compartilhe

Outras notícias Veja todas as notícias

  • Últimas publicadas
  • Mais lidas