Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul

Cursos,Especialização,Extensão,MBA,Idiomas,Educação,Vestibular,Pós-Graduação,Educação

Cursos

Graduação

Pós-Graduação

MBA

Vestibular

PUCRS é destaque no ranking mundial Golden Age 2018

Instituição está entre as melhores universidades estabelecidas entre 1945 e 1967

06/06/2018 - 15h45

Ranking THE Golden Age 2018, Times Higher EducationO ranking Times Higher Education (THE) Golden Age Rankings 2018 apontou a PUCRS como uma das melhores universidades estabelecidas entre 1945 e 1967, sendo a única instituição gaúcha a figurar na lista. Os destaques da PUCRS na avaliação foram nos quesitos de Industry Income, Citations e International Outlook (Transferência de conhecimento, Citações em artigos científicos e Cenário Internacional). O levantamento compreende instituições fundadas no período após a Segunda Guerra Mundial, uma “era de ouro” na educação superior em todo o mundo, que viu uma rápida expansão de instituições de ensino superior (IES) e um grande aumento no investimento em pesquisa universitária.

Segundo o THE, as universidades do ranking formam um grupo único de IES que possuem mais de 50 anos e menos de 80. O ranking engloba 200 instituições de 44 de países. O Japão é o país com mais universidades listadas, com 28 representantes. Em segundo lugar está o Reino Unido, seguido pela China. O Brasil possui 8 instituições na lista, na qual a PUCRS aparece na 1ª posição entre as privadas e 3ª posição na classificação geral.

Segundo o reitor, Ir. Evilázio Teixeira, “figurar nesse ranking, no ano em que comemoramos 70 anos de existência é simbólico e significativo. Nossa fundação ocorreu em um período de exponencial crescimento das instituições de educação superior no mundo, quando a sociedade exigia uma nova forma de conceber o ensino e de ampliar a missão da Universidade. Desde então, mantivemos nosso compromisso com educação, pesquisa e desenvolvimento, esforços que resultam em reconhecimentos como esse e destacam a excelência do que fazemos na PUCRS”.

A metodologia utilizada pelo THE é a mesma do World University Rankings, examinando os pontos fortes de cada universidade em relação a todas as suas principais atividades: ensino, pesquisa, citações, transferência de conhecimento e perspectivas internacionais.